4 tendências em tecnologias educacionais

Que a pandemia acelerou os processos tecnológicos no mundo todo mundo já sabe! No entanto, você sabe quais são as tecnologias educacionais do momento? Sabe como utilizá-las no dia a dia? Ainda não? Então, vem com a gente conhecer um pouco sobre este novo mercado na área de educação.

 

1. Games para todos: jogar para aprender

Os geeks piram! Isso mesmo. Porque entre as novas tendências tecnológicas do ensino estão os videogames. O fenômeno é internacional e objetiva trazer atividades lúdicas para a escola, promovendo, em especial, o trabalho em equipe. Especificamente, no caso da educação brasileira, a crescente adesão à gamificação vai de encontro à realidade atual: crianças, jovens e adultos amam videogames. Inclusive, há alguns exemplos de jogos e aplicativos que já estão usados na educação de adultos!

Um deles é o aplicativo norueguês Kahoot, que anunciou o lançamento da sua versão em português. Além das possibilidades de criar quizzes e outros games interativos, a ferramenta agora também traz sugestões de atividades traduzidas para lecionar questões socioemocionais, ciências, matemática e curiosidades. Inclusive, professores do Senac-MS já utilizam o app em sala de aula (online e presencial).

Outro jogo que tem feito sucesso no ensino é o Minecraft Education: a ferramenta é uma versão do jogo de blocos desenvolvida para ser utilizada em salas de aula. Com esta edição, os professores conseguem explorar as possibilidades que o game oferece para tornar as aulas mais divertidas.

Por falar nisso, vale a pena dar uma conferida no curso de Animação de Personagens do Senac-MS! As matrículas estão abertas!

E se você quer aprender mais sobre o MineCraft, vale também o curso Aprendendo Programação com Minecraft.

Outro curso que vale a pena, também nessa seara, é Aplique e Jogue: jogos com celular. As matrículas para o curso estão abertas e o investimento é de apenas R$ 99!

 

2. Materiais didáticos em “nuvens”

Os professores já não precisam mais carregar aquela papelada para cá e para lá. E o mesmo acontece com os alunos, cujas mochilas estão menos cheias: a coluna agradece, né? Uma das tendências antecipadas pela pandemia é o compartilhamento de materiais didáticos em nuvens. A tecnologia permite que o usuário salve e compartilhe dados e arquivos de modo remoto e, quem está lá do outro lado da tela, pode acessá-los em qualquer lugar e de qualquer dispositivo com acesso à internet.

Neste sentido, a ferramenta Microsoft Teams para Educação é uma excelente parceira da educação. Por meio dela, é possível organizar aulas, reuniões, tarefas e arquivos!

 

 

3. Realidade virtual em sala de aula

Os pequenos piram com óculos 3D no cinema, né? Imagina em sala de aula! Tem até como fazer esses óculos de forma artesanal: fica a dica! E essa é uma das tendências tecnológicas dos últimos tempos no que diz respeito ao ensino.

Segundo especialistas da área, o uso da realidade virtual nas salas de aula melhora a possibilidade de interação e, também, a aprendizagem. No que diz respeito à educação de jovens e adultos, em especial na educação profissional, a realidade virtual possibilita que o aluno viva situações do mercado de trabalho em sala de aula.

 

 

 

4. Digital e real juntos: robótica em foco

A ideia aqui não é substituir professores por robôs, ok? Pelo contrário! A chamada robótica educacional é uma importante aliada para adquirir habilidades socioemocionais como o trabalho em equipe: porque ela faz ligação entre o mundo real e o digital.  Além disso, asseguram pais, professores e alunos, a robótica desperta o interesse por matemática, física e até engenharia!

E você? Quer saber mais sobre a área? Aproveita que o Senac-MS está com o curso Começando na Robótica com as matrículas abertas! Faça sua inscrição.

 

 

Novidade!

E por falar em tecnologias educacionais, você já está sabendo que o Senac-MS vai lançar em breve, em Campo Grande, sua mais nova unidade de ensino, o Senac Hub Academy? A nova unidade trará a Mato Grosso do Sul um novo conceito de escola, ampliando o ensino tradicional para o formato Hub: um espaço de conexões com um novo mundo de formação profissional, com aulas diferenciadas, lives, rodas de conversas, mentorias e meetings.

Os espaços da escola também foram pensados para permitir a interação, experimentação e as descobertas, com estações, lousa digital, impressoras 3D, e espaço maker, ambiente que permite que qualquer pessoa possa criar, experimentar e compartilhar soluções, mesmo sem conhecimento prévio, com ferramentas digitais e tecnológicas.

A escola, que está sendo construída no espaço do Senac Campo Grande, conta com 35 ambientes, distribuídos em 8.803 m². O Senac Hub Academy será a maior unidade do Estado e vai garantir a oferta de cursos nos diversos segmentos nos quais o Senac atua, entre eles: Comércio, Gestão, Tecnologia da Informação, Saúde, Beleza e Bem-estar, Estética, Moda e Design.

 

Publicado em
Leia outros textos sobre Blog, TI
Itinerario Formativo

ESCOLHA O CURSO CERTO PARA SUA CARREIRA

O itinerário formativo vai ajudar a planejar sua carreira profissional. Escolha os caminhos que deseja percorrer, e alcance novas oportunidades com os cursos do Senac/MS!

PLANEJE SUA CARREIRA AGORA